春节 – Atrações para o Ano Novo Chinês

O ano 2018 é o Ano do Cão no horóscopo chinês, e começará em 16 de fevereiro de 2018 de acordo com o calendário lunar chinês

O ano 2018 é o Ano do Cão no horóscopo chinês, e começará em 16 de fevereiro de 2018 de acordo com o calendário lunar chinês.O Portal de kungfu listou algumas atrações para você comemorar o ano novo chinês

Confira as Atividades 

15, 16 e 17 /02/2018: Ano Novo Chinês e Semana das Artes Chinesas- RJ 

A programação é organizada pelo Consulado-Geral da República Popular da China no Rio de Janeiro e Associações Culturais chinesas no estado, com o apoio da Fundação Cidade das Artes e da Secretária de Cultura da Prefeitura do Rio de Janeiro

Dois grupos da China, formados por 40 artistas, de Guiyang, da província de Guizhou, no sudoeste da China, participarão do evento com apresentações especiais inéditas no Brasil

Local: Cidade das Artes – Barra da Tijuca – RJ

 

15/02/2018: Aspectos culturais do Ano Novo chinês – SP
O Ano Novo Chinês, também conhecido como Festival da Primavera, é o feriado mais importante da China. A celebração da data segue o calendário agrícola chinês, que também é lunissolar, variando a cada ano entre os meses de janeiro e fevereiro.
As práticas que marcam esta festividade realçam os valores, os simbolismos, e as tradições do Ano Novo chinês. Há uma verdadeira comoção nacional para que as famílias se reúnam. Cada prato da ceia adquire um significado especial, bem como a presença de cada pessoa na celebração. Diversos rituais são realizados durante a preparação e os dias que seguem as comemorações.
Com Verena Veludo – Local:  Centro de Pesquisa e Formação – Sesc SP

16/02 á 03/03/2018: Ano Novo Chinês – RS 

Pela 4ª vez elas ocorrerão em diversas datas e locais das cidades de Porto Alegre (e pela 1ª vez em Canoas/RS), dando oportunidade para que muitos possam conhecer essa rica demonstração da cultura oriental.

Local: Porto Alegre e Canoas

21/02/2018: Recorte de papel de Ano Novo chinês – SP
O recorte de papel chinês (Jianzhi) é uma arte popular que usa tesouras e facas para recortar papéis para decoração ou outras atividades populares. Com muitos adeptos, o recorte de papel é parte da vida de diferentes povos, expressando múltiplos valores sociais. Em 2009, o recorte de papel foi reconhecido como Patrimônio Cultural Imaterial pela UNESCO.
Esta arte chinesa tem origem próxima à invenção do papel no século VI a.C. Existem vários tipos de recorte de papel, com variados usos, incluindo a decoração de sapatos, presentes e janelas no Ano Novo Chinês. Também possui características próprias em cada região da China.
Baseada em uma série de exibições de obras, esta palestra irá apresentar uma breve história e a classificação dos recortes de papel, possibilitando a experiência do encanto artístico no contato com essa arte. Além da uma introdução sobre o conhecimento cultural do recorte de papel chinês, os participantes vão aprender a fazê-lo especialmente para o Ano Novo Chinês.
Com Yin Qiao – Local:  Centro de Pesquisa e Formação – Sesc SP

22/02/2018: Feng Shui e os dísticos da comemoração do Ano Novo chinês – SP
Para os chineses, a transição do ano é um período muito sentimental e especial. Um ditado popular chinês diz que “o planejamento de um ano é feito em seu início”.  Ao todo, são oito dias reconhecidos como feriado para a passagem para o ano novo.
Neste período, os objetos, o vestuário, as decorações, as comidas, seguem critérios definidos pela atividade milenar do Feng Shui, que significa “Vento e Água”, capazes de trazer boa sorte.
Nesta atividade, o palestrante I Ming trata dos seguintes temas: calendário chinês; características do Ano Novo, e signos dos animais; boa sorte e destino da vida; O que é e como funciona o Feng Shui; técnicas de Feng Shui: envelopes vermelhos, incensos, decoração de ambientes, astrologia chinesa, quadrado mágico, entre outros.
Com I Ming  – Local:  Centro de Pesquisa e Formação – Sesc SP

25/02/2018: Festival de Ano Novo Chinês – Bairro Liberdade – SP

No dia 25 de fevereiro, a cidade de São Paulo irá dar as boas-vindas ao Ano Novo Chinês, evento mais grandioso e mais importante para os chineses. De acordo com o zodíaco chinês, 2018 será o Ano do Cachorro, um ano regido pela inteligência e pela proteção que promoverá mudanças significativas para todo o mundo.

Local: Praça da Liberdade em São Paulo

01/03/2018: A mesa farta do Ano Novo chinês – SP
O Ano Novo Chinês é a cerimônia mais importante de todo o calendário chinês. De acordo com a tradição, a data é celebrada em família e acompanhada de um farto banquete, troca de presentes, decorações em vermelho e dourado. Já as cerimônias religiosas fazem agradecimento à terra, aos céus, aos deuses do lar e aos ancestrais da família.
Um dos costumes que mais se destaca é o grande banquete, definido por uma palavra semelhante ao conceito de fortuna. O peixe é um dos pratos mais esperados nesse dia, servido com a cabeça, que é considerada a parte mais importante. Também não costuma faltar os famosos guiozas, iguaria oriunda da China, possuindo uma enorme variedade de técnicas, ingredientes, sabores, aromas e cores.
Esta atividade tem o objetivo de apresentar e examinar as características da culinária chinesa, sua importância e simbologia na celebração do Ano Novo chinês.
Com Jiang Pu – Local:  Centro de Pesquisa e Formação – Sesc SP

 

03/03/2018: Festival das Laternas – SP

  • a partir das 15h – atividades culturais para a criançada, como danças, aulas de caligrafia e dobraduras;
  • 18h30 – desfile de roupas chinesas típicas (palco principal);
  • 19h – discurso do Consul da China e autoridades (palco principal);
  • 19h20 – Dança do Leão e do Dragão: um dos pontos mais esperados da festa que, esse ano, virá com oito leões e um dragão gigante;
  • 20h – Show com a banda Su Yang: pela primeira vez no Brasil, o cantor Su Yang, conhecido na China como um dos mais expressivos no segmento de “folk rock”
  •  Local: Parque do Ibirapuera 

1 Comentário para “春节 – Atrações para o Ano Novo Chinês”

  1. Wavatar
    Savio Maia 15 de fevereiro de 2018 as 17:13

    Feliz Ano Novo Chinês

Deixe uma resposta para Savio Maia